SAMSUNG BEST OF BLUES: Tatiana Pará + Nina Pará - Porto Alegre, 26 de Outubro de 2019

Foto: Pablito Diego
#
Review Márcio Grings Fotos Pablito Diego (Há Cena)

No último final de semana a capital gáucha recebeu a segunda edição do Samsung Best of Blues, evento que trouxe ao RS nomes como os guitarristas norte-americanos Kenny Wayne Shepherd e Zakk Wylde. A abertura ficou a cargo dos gaúchos da Stones Blues Band, além da dupla paulista Tatiana e Nina Pará. 

Leia review do show de Zakk Wylde 
Leia review do show de Kenny Wayne Shepherd
Leia Review do show da Stones Blues Band

Foto: Pablito Diego
As gêmeas musicistas de 40 anos já estão na estrada há um bom tempo, cada qual com sua trajetória individual. Afora participações em gravações/colaborações com artistas, bandas e projetos, Nina lançou em 2014 "Heart Beat", sua estreia solo - OUÇA. Já Tatiana protagonizou um trabalho individual em 2016, "My Mood". Ouça AQUI  

Com início do evento programado para às 18h, chego ao Anfiteatro Pôr do Sol em torno das 16h, a tempo de ouvir a passagem de som de Tati e Nina Pará - "Lenny" (Steve Ray Vaughan) foi uma das escolhidas para acertar o som. Abrigado em uma tenda distante, resguardado do sol escaldante que castigava a capital gaúcha naquele horário, mas impressionado pela qualidade dos instrumentistas, o fotógrafo Pablito Diego (Há Cena) me pergunta pelo WhatsApp quem são os músicos no sound-check. Quando o informo que são as irmãs, ele prontamente demonstra sua empolgação. 

Foto: Pablito Diego
Ás 19h a dupla começa a apresentação com "House on Fire" e "SRV Train", temas que abrem o jogo de como funciona o lineup do duo - sem baixo ou teclados, apenas pontencializado pelos riffs de guitarra no encalço do classic rock/blues e pela bateria. Na levada das baquetas e no bater do bumbo,  mesclas do espírito do hard, rock progressivo, às vezes acentos com a energia do metal e constante flutuações pela firmeza de um blues pesado. Olhares e sorrisos de ambas se cruzam no palco, primeira vez de Tatiana e Nina nesse formato, o que de certo modo nos impressiona pela firmeza dessa atuação.  

Foto: Pablito Diego
Tatiana utiliza pedais de efeito para criar loops instantâneos, sincronizando no ato camadas sonoras que simulam um guitarrista invisível (ela mesma), escudo instrumental que a libera como solista. Outra sacada inteligente são os mash-ups, enxertos com clássicos do rock, miscigenando-os aos temas autorais. Desse modo, riffs de Angus Young - "Back in Black" (AC/DC); Jimmy Page - "Moby Dick" (Led Zeppelin) e Randy Rhoads - "Crazy Train" (Ozzy Osbourne), grudam nas faixas autorais e consequentemente incendeiam o público. Outro ponto alto da apresentação passa pela releitura de "Frankenstein" (Edgar Winter), arranjo que personifica o sucesso do duo. 

Foto: Pablito Diego
Longa vida a Tatiana e Nina Pará, prova-viva de que felizmente a fila anda (e que as mulheres ainda vão tomar conta do mundo), um recado para que estejamos atentos a novos talentos, guerrilheiro(a)s que continuam propagando a chama do rock, blues e da música instrumental. 

Em evento patrocinado pela Samsung, numa parceria com o Ministério da Cidadania, a realização do Samsung Best of Blues é da Dançar Marketing. Agradecimento especial para Jéssica Barcellos Comunicação - suporte e credenciamento.       

Setlist Tatiana e Nina Pará Samsung Best of Blues PoA

House on Fire
SRV Train 
Black Moby 
Frankenstein (Edgar Winter)
Fresh Air 
Crazy Cow

Foto: Pablito Diego




Foto: Pablito Diego

Foto: Pablito Diego




Foto: Pablito Diego

Foto: Pablito Diego
Foto: Pablito Diego
Foto: Pablito Diego
Foto: Pablito Diego
Foto: Pablito Diego

Comentários

Postagens mais visitadas