Oficina de Pardais - Haicais em Escola de Ensino Fundamental de Santa Maria

16/4/19. Foto: Pablito Diego (Há Cena)
#
Por Márcio Grings

Num mundo em que os livros passaram a ser descartados pelas gerações mais jovens, tempos em que os celulares imperam absolutos no pódio de preferência da juventude, estar envolvido num projeto em que a literatura fixa residência na pauta, é algo que me infla de empolgação. “Oficina de Pardais” é um empreendimento artístico de incentivo à leitura e à produção literária. As sementes estão sendo lançadas por meio de workshops direcionados a estudantes de uma escola de ensino fundamental de Santa Maria - RS, encontros que se sucedem a cada duas semanas.

14/5/19. Foto: Pablito Diego
As oficinas acontecem na Escola Municipal de Ensino Municipal Sérgio Lopes, na Vila Renascença. Como alguém que ama, fala e produz literatura há mais de 20 anos, há um bom tempo estava à procura de uma atividade social ligada a essa paixão. Desse modo, após os recursos serem viabilizados numa parceria entre FAC (Fundo Estadual de Cultura) e Prefeitura Municipal de Santa Maria, o projeto ganhou pontapé inicial na primeira semana de abril.  

02/04/19. Foto: Pablito Diego
A ideia dessa integração com alunos da Escola Sérgio Lopes se deu em setembro de 2018, quando fui convidado a participar da semana literária da instituição. Lá tive conhecimento de que alunos do 6°, 7°, 8 e 9 ano da Escola produziam seus próprios haicais com orientação da Professora Daniela Barbosa. Mais detalhes AQUI

14/5/19. Foto: Pablito Diego
Assim, iniciou-se uma conversa com a direção da escola na finalidade de forjar o projeto, que após aprovação pela FAC, culminará na edição de dois livros – “Todos os Pardais do Mundo”, material que está sendo utilizado como ferramenta didática para a construção de uma segunda publicação – e “Oficina de Pardais", tomo protagonizado pelos próprios alunos. O lançamento simultâneo será em 12 de Setembro, durante a Flism (Festa Literária de Santa Maria). 

16/4/19. Foto: Pablito Diego
Nas oficinas  realizadas nos últimos dias 2 e 16 de abril, e 14 de maio, foram abordados temas como - origem do haicai, leitura de textos de haicaistas nacionais/internacionais, oralidade/defesa de texto, produção através de cut-up (método de corte), artifício dadaísta de produção literária utilizada pelo escritor norte-americano William Burroughs. 

14/5/19. Foto: Pablito Diego
Num breve resumo, o haicai é resultado da lenta depuração que a poesia japonesa sofreu ao longo dos séculos. Trata-se de um poema breve de três versos (de 5-7-5 sílabas), com pequenas variantes de escola para escola. No transplante do haicai para outros países, algumas das regras anteriores são seguidas com maior ou menor fidelidade, enquanto outras podem ser ignoradas, dependendo de cada poeta ou da escola seguida. Além dos haicais que estão em "Todos os Pardais do Mundo", entre os autores explorados na oficina estão nomes como Bashô, Paulo Leminski, Mário Quintana, Jack Kerouac, entre outros.

Acompanhe todas as etapas do projeto pelo blog: www.oficinadepardais.blogspot.com.br   

2/4/19. Foto: Pablito Diego

16/4/19. Foto: Pablito Diego

2/4/19. Foto: Pablito Diego

2/4/19. Foto: Pablito Diego

2/4/19. Foto: Pablito Diego

2/4/19. Foto: Pablito Diego

16/4/19. Foto: Pablito Diego

16/4/19. Foto: Pablito Diego

16/4/19. Foto: Pablito Diego

16/4/19. Foto: Pablito Diego

14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego
14/5/19. Foto: Pablito Diego

Comentários

Postagens mais visitadas