Vinicius Brum - "Pinball Wizard", ao vivo no Lounge Studio

Vinícius Brum. Foto: Pablo Zambeli
#

Por Márcio Grings

Vinicius Brum é integrante da Rinoceronte, uma das mais importantes bandas formadas no Centro do RS. Como instrumentista/compositor do trio instrumental Quarto Ácido, o músico  acaba de lançar o CD "Paisagens & Delírios", álbum que recentemente o levou a um minitour por São paulo e Rio de Janeiro. Ouça AQUI / leia review do disco de estreia da Quarto Ácido AQUI. Brum também é protagonista de vários projetos musicais de revisitação, entre eles a Harvest Moon (Neil Young)  e Travelin' Baio (Creedence Clearwater Revival). Já com o projeto Cantigas do Rock, o músico propõe uma viagem sonora pela história do rock'n'roll, reprisando diversos hits do gênero. Acompanhado apenas de seu violão, o artista reinventa e reinterpreta diversas bandas e artistas, dos anos 1960 até os dias atuais, sempre jogando luz em clássicos do imaginário coletivo dos apreciadores do rock/pop mundial.

Foto: Pablo Zambeli
#
Com o projeto Cantigas do Rock, o artista gaúcho gravou no início de Fevereiro desse ano uma serie de releituras no Lounge Studio, em Santa Maria - RS. Utilizando apenas voz e violão, a captação em vídeo foi realizada por Lennon Schwarcz (Lounge), Bruno Sesti (Áudio Bit) capturou e finalizou o áudio e Ericson Friedrich (360º), montou/editou o vídeo. "Gravamos tudo em poucas horas e com apenas um microfone, captando geral - ambiência, violão e a voz", explica o músico. "Cantigas do Rock é um projeto pensado para funcionar especialmente em bares, mas também funciona em todos os espaços". Contatos para shows AQUI  

"Pinball Wizard" é uma canção composta por Pete Townshend e lançada pelo The Who como parte de sua ópera rock "Tommy" (1969). Poucas semanas após o lançamento do álbum, como principal single do LP, o tema chegou ao topo das paradas britânicas e americanas naquela década. Nenhuma canção de "Tommy" é tão conhecida quanto “Pinball Wizard”, devendo grande parte desse sucesso também as suas regravações, tanto por Rod Stewart quanto por Elton John. O curioso é que Pete, logo após escrevê-la, horrorizou-se com sua própria criação e considerou-a a pior canção de sua carreira.

Assista a versão acústica de Vinícius Brum para o clássico do Who.
    

Comentários

Postagens mais visitadas