Gustavo Telles & Os Escolhidos - Bar Ocidente, 23 de Novembro de 2017

Foto: Rafael Cony
#
Texto Cristiano Radtke Fotos Rafael Cony

O público que esteve na noite desta quinta-feira (23) no Bar Ocidente, lendário endereço de Porto Alegre que foi e continua sendo palco de importantes acontecimentos culturais da capital gaúcha, teve a bela oportunidade de presenciar o ótimo show de lançamento do novo disco de Gustavo Telles, junto a seus Escolhidos: Felipe Kautz no baixo, Daniel Mossmann na guitarra e Murilo Moura no teclado. O disco ganhou laçamento oficial no último mês de outubro, e em 2018 deve ganhar sua versão física em vinil via 180 Selo Fonográfico.

Ouça no Spotify "Gustavo Telles & Os Escolhidos" (2017)

Se em seus  trabalhos e em alguns de seus shows anteriores Gustavo se cercou de um grande número de músicos que estão entre os melhores profissionais do RS (e daí o nome “Escolhidos”), desta vez a banda é enxuta, mas igualmente competentíssima. No palco, dá pra sentir que essa escolha tornou a banda com pique de um time, uma perceptível unidade que provavelmente Telles ainda não tivesse encontrado em sua carreira solo até agora. "Vem Comigo", música que abre o disco, foi também a abertura da noite, seguida na ordem pelas faixas do disco novo, tocado na íntegra e com mais impacto do que as versões de estúdio. E aí reside um dos pontos altos do atual momento do artista: não há enganação, o que está vemos no palco é justamente o que ouvimos na gravação em estúdio, com um detalhe importante - o show é tão bom quanto o álbum. E mais, bacana ver Gustavo Telles  reassumindo o posto na bateria, posição em que ele se consagrou nacionalmente como músico no trio instrumental Pata de Elefante, e agora ainda cantando melhor do que nunca.

Veja o vídeo de "Vem Comigo". A captação é de Roger Lerina.



Qualquer pessoa que costuma frequentar shows, sejam os de lendas internacionais da música que têm visitado nosso estado seguidamente, sejam os de bandas locais, sabe que tão importante quanto o show em si é o clima que se cria em eventos como esses, e o do Ocidente não foi diferente. O caloroso público, que não apenas recebeu muito bem as novas canções, também dançou, cantou e participou ao longo de toda a apresentação, mas ainda com mais empolgação em temas como “Eu Perdi o Medo de Errar” e “Do Seu Amor, Primeiro é Você Quem Precisa”, dois dos grandes hits da carreira solo de Gustavo.

Foto: Rafael Cony
Finalizando o show, que foi gravado, a música de abertura, "Vem Comigo", foi repetida para que pudesse ter sido melhor captada, já que ao início, por problemas técnicos, a gravação não havia ficado com a qualidade desejada. Em resumo, um show redondo, sem nada que sobrasse ou faltasse.  

Depois do show, conversei rapidamente com o “Prego” (carinhoso apelido pelo qual é conhecido) e o elogiei pelo disco novo, cuja resenha foi publicada AQUI. Com a franqueza habitual, me disse: “cara, eu sou muito chato (referindo-se obviamente a ser um cara exigente) em relação à música, então é bom ouvir isso das pessoas, porque sei que tô no caminho certo”, mostrando que não apenas perdeu o medo de errar, como ele mesmo diz naquele que se não é seu maior hit é certamente uma de suas músicas mais tocadas nas rádios de Porto Alegre, mas também tem demonstrado que sua exigência tem dado belos frutos. 

Foto: Rafael Cony
A julgar pela excelente receptividade do público aos novos temas e velhos clássicos, Prego pode ter certeza de que não apenas está no caminho certo, mas também tem um belo e promissor futuro à sua espera. 

Setlist:

Vem Comigo
Temporal
Não, não sei enfim
Deixe-me Ir
Sempre Mais
E de tudo o que já vivi
Outra Vez
Dormindo no Sofá
A Vida é Breve
Muitos dizem que têm a razão
Que Seja Pra Valer
Eu Perdi o Medo de Errar
O Tempo não vai nos afastar
Passo a Passo
Posso me Perder
Do Seu Amor Primeiro é Você Quem Precisa
Jogos Mortais
Eu já disse sim
Vem Comigo (reprise)    

Foto: Rafael Cony

Comentários

Postagens mais visitadas