ROCKS OFF: FALTAM 9 DIAS PARA VER OS ROLLING STONES EM PORTO ALEGRE

Reprodução
"Rocks Off" é um tijolaço na vidraça que tem a marca da diversidade musical de "Exile on Main Street" (1972). Esse é mais um dos números capturados nas sessões em Ville French-Sur-Mer, em Nêllcote, no Sul da França, durante o verão e o outono de 1971. 

A letra, aparentemente autobiográfica, versa sobre a inabilidade de Keith em lidar com fatos cotidianos que dificultam seu poder de comunicação e recortes sobre a ausência do seu poder de reação ("Chute-me, caso ainda não o tenha feito", diz a letra), além de também falar sobre um episódio de sexo acrobático com uma dançarina! 

Facilmente dá pra fazer paralelos com o vício do guitarrista em heroína, um hábito do músico que encontrava um de seus ápices naquele início da década de 1970, e certamente um potencializador de alguns obstáculos relatados. 

Time completo dos Stones na gravação, além de participações de Jim Price e Bobby Keys (metais) e Nicky Hopkins (piano). Overdubs e alguns detalhes de gravação foram concluídos no Sunset Sound, em Los Angeles, Califórnia, entre dezembro de 1971 e março 1972. Keith, 'o homem riff' em um de seus melhores momentos como guitarrista,  fazendo de "Rock Off". uma canção/emblema com a simétrica stoneana.


  

Comentários

Postagens mais visitadas